terça-feira, 21 de outubro de 2014

Polícia Federal entra em greve nesta quarta-feira em todo o Brasil


Os agentes da Polícia Federal (PF) de todo o país entrarão em greve de 72 horas a partir desta quarta-feira (22). A paralisação das atividades será seguida de atos públicos de protesto em frente às unidades da PF. Na Bahia, a mobilização acontece a partir das 16h30 de quarta, em frente à Superintendência Regional da Polícia Federal localizada na Avenida Oscar Pontes, no bairro de Água de Meninos. Os agentes protestam contra a alteração na lei 9.266, assinada pela presidente Dilma Rousseff no último dia 13, que inclui a definição de que a Polícia Federal é parte da "estrutura básica" do Ministério da Justiça. A greve é realizada, ainda, por conta do não cumprimento do acordo assinado com o governo federal, no final da greve de 2012, onde havia sido prometida a modernização da carreira na PF e o reconhecimento das atividades realizadas por todos servidores, ainda regidos por leis da época da ditadura militar. Informações do Correio24h.

Por conta de eleição, eleitores não podem ser presos a partir desta terça

Determinação é do Código Eleitoral (Foto: Divulgação)
Por determinação do Código Eleitoral, a partir desta terça-feira (21) até 48 horas após o encerramento da votação do segundo turno, que ocorre no próximo domingo (26), nenhum eleitor poderá ser preso ou detido, exceto por flagrante, em decorrência de sentença por crime inafiançável ou por desrespeito a salvo-conduto. Na Bahia, ocorre apenas a escolha entre Aécio Neves (PSDB) ou Dilma Rousseff (PT) para presidente da República, já que o pleito estadual foi definido já no primeiro turno. No entanto, apesar do horário de verão, que começou no último domingo, os eleitores deverão se dirigir a sua seção eleitoral entre as 8h e as 17h, no horário local. Com informações da Agência Brasil.

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Operadoras querem cortar internet de quem atingir a franquia


As operadoras devem estrear um novo formato de cobrança por internet no Brasil no qual o cliente é obrigado a pagar por um pacote adicional assim que sua franquia terminar. Com isso, será o fim da chamada "velocidade reduzida". A novidade será implementada primeiro pela Vivo, segundo reporta O Globo. Maior operadora do país, com 79 milhões de clientes, a empresa apresentará o formato primeiro a quem tem celular pré-pago para, futuramente, mirar os clientes de planos pós-pagos. Atualmente, um dos pacotes mais usados na modalidade pré-paga custa R$ 6,90 e garante 75 MB. Quando essa franquia acaba, o usuário não é desconectado; ao invés disso, recebe internet em velocidade reduzida, que chega a ser de apenas um décimo do total contratado. Em novembro, quando o limite for alcançado a internet será cortada e, para continuar navegando, a pessoa precisará comprar 50 MB adicionais por R$ 2,99 para usar pelos próximos sete dias. Oi e TIM confirmaram que também estudam migrar para esse formato e, embora a Claro não tenha comentado, O Globo diz que a operadora acompanhará as adversárias. 

Candidatos evitam “baixaria” e discutem propostas em penúltimo debate

Debate da Record teve clima mais ameno entre presidienciáveis
Debate da Record teve clima mais ameno entre presidenciáveis
No penúltimo debate entre presidenciáveis antes do fim do segundo turno, realizado pela Rede Record na noite deste domingo (19), os candidatos Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB), evitaram a “baixaria” que marcou os dois primeiros debates e se concentraram na discussão de propostas e nos casos de corrupção envolvendo a Petrobras. A expectativa em relação aos ataques que Dilma e Aécio poderiam fazer um ao outro era grande, sobretudo depois do debate da última quinta-feira (16), realizado pelo UOL, SBT e Jovem Pan. Na ocasião, os dois trocaram ofensas pessoais e citaram supostos casos de nepotismo envolvendo parentes de ambos. No debate deste domingo, o tom foi bem menos agressivo e o encontro foi marcado por uma vasta apresentação de dados estatísticos sobre inflação, crescimento econômico e criminalidade. O primeiro bloco do debate, o mais longo, com quatro perguntas para cada lado, foi marcado pela discussão de três temas: segurança pública, economia e corrupção na Petrobras. O segundo e terceiro blocos foram marcados por questionamentos sobre o Bolsa-Família, o papel dos bancos públicos na economia e obras inacabadas. (Uol)

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Valor de energia pode cair pela metade

Foto: Dado Galdieri / Bloomberg


Uma proposta de mudança dos preços mínimo e máximo da energia no mercado a curto prazo foi apresentada nesta terça-feira (15) pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Atualmente, o teto do chamado Preço de Liquidação de Diferenças (PLD) está fixado em R$ 822,83 por megawatt-hora (MWh) e o mínimo em R$ 15,62. Segundo o novo texto, o máximo seria R$ 388,04 e o mínimo, R$ 30,26. A mudança se baseia na substituição da usina térmica – hoje utilizada como base para o PLD – pela de Mario Lago, movida a gás. De acordo com a Aneel, os preços refletem o comportamento do PLD nos últimos anos. Neste período, o preço da energia só teria atingido o teto em 2008 e 2013, e por apenas uma semana. Em 2014, o PLD permaneceu no teto por várias semanas entre fevereiro e março. Uma audiência presencial está marcada para o dia 3 de novembro e a consulta pública sobre a proposta ficará aberta até o dia 10 do mesmo mês.

terça-feira, 14 de outubro de 2014

Petrobras volta a ser a maior em valor de mercado na América Latina

                                 
                                                        Foto: Corpbusiness

A Petrobras voltou a ser a maior empresa da América Latina ao atingir US$ 116,3 bilhões em valor de mercado nesta terça-feira (13). A estatal foi ainda a que teve o maior crescimento no mês de outubro, segundo o levantamento da consultoria Economatica. Na véspera, a ação preferencial registrou alta de mais de 10% e liderou a alta da Ibovespa e a bolsa brasileira teria sido a única na América Latina e Estados Unidos que apresentou crescimento neste mês. Na lista das dez maiores companhias, seis são brasileiras, três mexicanas e uma colombiana. Depois da Petrobras, as com maiores valores de mercado são Ambev, America Movil, Itaú Unibanco, Bradesco, Ecopetrol, Vale, Walmart, GModelo e Banco do Brasil. Informações do G1.

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

CLASSIFICADOS VENDE-SE ESSE TERRENO EM TRAVESSÃO .

FRENTE DO TERRENO
                              TERRENO TODO É 7 POR 15, E CONSTRUÍDO A VENÁRIA 6 POR 8

                                TELEFONE: 73 81356046 

FUNDO DO TERRENO


BECO DO TERRENO COM 1 METRO DE LARGURA E 15m de CUMPRIMENTO